Um Breve Estudo No Livro do Apocalipse

Data publicação 03/05/2017

 

Pastor Washington Roberto Nascimento

Tema

¨1. A Vitória de Jesus e a Derrota de Satanás é o tema deste último livro da Bíblia.

¨2.Um grande número de crentes se recusa a ler este livro por considerá-lo muito misterioso e muito difícil de ser entendido.

¨3. A despeito de toda a reclamação este livro foi escrito para ser lido e entendido pelo povo de Deus.

¨4. Como o tema do livro diz respeito o triunfo de Jesus Cristo contra todos os poderes do mal, compreende-se porque Satanás luta para manter as pessoas distantes da leitura e compreensão deste livro.

¨5. A palavra: apocalipse - Ἀποκάλυψις– que é a primeira palavra deste útlimo livro da Bíblia, significa desvendamento, revelação, manifestação. O tema do livro, portanto, trata da revelação do Senhor Jesus Cristo literalmente: Ἀποκάλυψις Ἰησοῦ Χριστοῦ. Ele é o revelador e o revelado.

¨6. A palavra apocalipse diz respeito não apenas ao tema do livro, mas a um estilo literário riquíssimo em símbolos e figuras de linguagem,  produto, normalmente, de uma época de perseguição.

Autoria e Data

¨1. O autor deste livro é Deus e seu Filho Jesus Cristo, João, o apóstolo, foi apenas o escritor.

¨Apocalipse 1:1 e 22:6.

¨“Revelação de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou e as notificou a João, seu servo”.

¨“E disse-me: Estas palavras são fiéis e verdadeiras. O Senhor, o Deus dos santos profetas, enviou o seu anjo, para mostrar aos seus servos as coisas que em breve hão de acontecer”.

¨2. João, o apóstolo, foi apenas o escritor, mas o autor é Deus e seu Filho, Jesus Cristo.

¨3. Este livro foi o último a ser escrito entre os 27 livros do Novo Testamento.

¨4. Tudo indica que ele foi escrito durante o período do Imperador Domiciano (81-96 d. C) e tal data tem sido proposta desde o século II pelos pais da Igreja, a começar com Irineu, depois Eusébio e até mesmo grande tradutor da Bíblia para o latim, Jerônimo.

¨5. A revelação foi dada ao apóstolo João no exílio, na Ilha de Patmos, mas a escritura da revelação aconteceu depois da libertação do apóstolo.

¨6. Os relâmpagos, os trovões, o mar entre outras coisas mencionadas neste livro testemunham em favor do lugar onde João estava, a Ilha de Patmos, ao receber esta Revelação, este Apocalipse de Jesus Cristo. A revelação de Deus sempre ocorre num contexto histórico e geográfico concreto.

¨ 

Notas Gerais

¨1. Este livro encerra o cânon e a história do Novo Testamento.

¨2. Este é um livro profético, isto é, relacionado ao futuro, mas com base em seu tempo, em uma história concreta.

¨3. Este livro tem uma série de Bem-aventuranças:

¨3.1.Apocalipse 1:3.

¨“Bem aventurado é o que lê e os que ouvem as palavras desta profecia”.

¨3.2. Apocalipse 14:13.

¨“Bem aventurados os mortos que morrem no Senhor”.

¨3.3. Apocalipse  16:15.

¨“Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes”.

¨3.4. Apocalipse 19:9.

¨“Bem aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro”.

¨3.5. Apocalipse 20:6.

¨“Bem aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição”.

¨3.6. Apocalipse 22:7.

¨“Bem aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro”.

¨3.7. Apocalipse 22:11.

¨“Bem aventurados aqueles que lavam as suas vestiduras no sangue do Cordeiro”.

¨4. A mensagem de Jesus para as suas Igrejas tem as seguintes palavras para cada uma das Igrejas (Apocalipse 2:1-3:22):

¨3.1. Palavra de Auto-apresentação.

¨3.2. Palavra de apreciação.

¨3.3. Palavra de repreensão.

¨3.4. Palavra de orientação

¨3.5. Palavra de promessa.

¨5. A Igreja de Filadélfia não recebeu nenhuma palavra de repreensão, só elogios (Apocalipse 3:7-13). Que exemplo! Dizem que esta igreja antecede a última igreja da história da humanidade. É a Igreja missionária. A igreja que tinha uma porta aberta por Deus que ninguém podia fechar .

¨6. A Igreja de Laodicéia não recebeu nenhuma palavra de elogio, só repreensão (Apocalipse 3:14-22). Que exemplo negativo! Dizem que esta igreja representa a igreja dos últimos dias, antes de Jesus voltar. Teremos uma igreja apostata.

¨7. O número 144 mil dos crentes assinalados é simbólico, não deve ser entendido literalmente (Apocalipse 7:1-4; 14:1).

¨7.1. O número 12 é o símbolo da religião perfeita, organizada. Temos as doze tribos e temos os doze apóstolos.

¨7.2. O número 144 mil é um múltiplo de 12.

¨7.3. O fato dos 144 mil serem assinalados é sinal de proteção, semelhante ao texto de Ezequiel 9:4.

¨“E disse-lhe o Senhor: Passa pelo meio da cidade, pelo meio de Jerusalém, e marca com um sinal as testas dos homens que suspiram e que gemem por causa de todas as abominações que se cometem no meio dela”.

¨8. O número da besta, 666 (Apocalipse 13:18), significa um número mau. 6 é quase 7,  o número da perfeição.

¨9. O número 6 repetido três vezes significava algo muito desagradável, terrível, brutal. Parece que o escritor bíblico atribuía este número ao Imperador Romano, Domiciano, que era um monstro para praticar o mal. Ao longo da história já se aplicou este número a Hitler, ao Papa, ao comunismo e assim por diante.

¨10. O reinado de mil anos com Cristo (Apocalipse 20:1-15) é simbólico. Não parece correto atribuir a Jesus uma estrutura social e política aqui na terra. “O meu reino não é deste mundo”, disse Jesus (João 18:36).

¨11. O número mil é simbólico. Significa um longo período, um tempo indeterminado.

¨12. Jesus Cristo já começou a reinar na vida de multidões que a Ele se entregaram. Quanto as vidas dos crentes, Satanás, a antiga serpente, o dragão (Apocalipse 12:3; 20:2 9) a besta, não tem poder algum, pois está preso.

¨13. Satanás foi derrotado por Jesus na Cruz (Colossenses 2:14-15).

¨14. Este livro tem uma série de SETE (7).

¨14.1. Sete Igrejas – Apocalipse capítulos 2 e 3.

¨14.2. Os Sete Selos – Apocalipse capítulos 6 e 7.

¨14.3. As Sete Trombetas – Capítulo 8.

¨14.4. As Sete Taças – Capítulo 15 e 16.

¨15. Há no Livro do Apocalipse personagens mencionados que merecem destaque:

¨15.1. A mulher – Apocalipse 12:1. Para alguns esta mulher é Maria, a mãe de Jesus; para outros ela é a Igreja.

¨15.2. O Filho da Mulher – a criança – Que aponta para Jesus. Apocalipse 12:5.

¨15.3.O Dragão, que é também chamado de Antiga Serpente e Satanás, que quer destruir o Filho da Mulher – Apocalipse 12:4, 9).

¨15.4. Miguel que com seus anjos lutam do lado de Deus contra o Dragão – Apocalipse 12:7.

¨15.5. A besta do mar que trabalha a serviço de Satanás – Apocalipse 13:1. Os seus chifres são símbolos de força e os diademas símbolo de autoridade, realeza aqui na terra.

¨15.6. A besta da terra – Apocalipse 13:11. Ela, também, trabalha para Satanás. Pelo número menor de chifres e diademas na cabeça ela tem menos poder que a besta que surge do mar.

¨15.7. O Cordeiro – Apocalipse 14:1. Ele é Jesus, o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo – Evangelho de João 1:29.

¨16. No final do livro de Apocalipse, capítulos 21 e 22, nós temos as coisas novas em comparação com as coisas velhas do Pentateuco e de todo o Antigo Testamento:

¨16.1. O novo céu.

¨16.2. A nova terra.

¨16.3. Nova Jerusalém.

¨16.4. Um Novo Povo, o Povo de Deus.

¨16.5. Um Novo Rio – Apocalipse 22:1.

¨16.6. Uma Nova Árvore – Apocalipse 22:2.

¨16.7. Um Novo Tempo – Apocalipse 22:3 e 4. Tempo de só bênção.

¨16.8. Um Novo Dia – Apocalipse 22:5.

¨17. Este livro é relevante para nós mesmo que todo o seu cumprimento não aconteça em nossos dias ou no próximo século.

¨18. Uma das marcas mais extraordinárias da Bíblia como Palavra de Deus é que ela tem uma importância e uma aplicação para cada tempo e para cada situação independente da geografia ou do ano em que o povo do Senhor esteja vivendo.

¨19. As últimas palavras de Jesus na Bíblia são:

¨“Certamente cedo venho” (Apocalipse 22:20).

¨20. A melhor resposta do crente às Palavras de Jesus, deve ser:

¨“Amém! Ora, vem, Senhor Jesus! (Apocalipse 22:20).

Pastor Washington Roberto Nascimento